Assign modules on offcanvas module position to make them visible in the sidebar.

Don't have a credit card yet?

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt.

Hélio Maciel

Nascimento. – 14/05/1946
Idade – 70 anos
Estado Civil – Casado
Nacionalidade – Brasileiro
Naturalidade – Petrópolis – Rio de Janeiro

Desde 1965 é empresário do setor Atacadista/Distribuidor.
Em 1967, com 21 anos, começou a atuar no ramo Distribuidor, por intermédio da empresa Cosme e Damião Comércio e Distribuição Ltda, que agora no ano de 2016 completou 49 anos.
Em 20 de Maio de 1986 participou da fundação da ADERJ – Associação de Atacadistas e Distribuidores do Estado do Rio de Janeiro, e participou de todas as gestões, sendo eleito Presidente para o triênio 2012 a 2014 e reeleito para o triênio 2015 a 2017.
Atuou em todas as diretorias da ADERJ desde a fundação, em diversos cargos.
Representa o segmento Atacadista /Distribuidor do Estado do Rio de Janeiro na ABAD- Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores onde também ocupa o cargo de Vice-Presidente do Conselho Fiscal da ABAD.


Hélio Castor Maciel é empresário renomado no setor Atacadista Distribuidor do Estado do Rio de Janeiro desde 1965. E como bem descreve o livro de 25 anos da ADERJ, de 2011: [...É um guerreiro de todas as horas, e dentre todos que fizeram parte da fundação da ADERJ, é o único que continua a frente das ações e decisões, tendo participado de todas as diretorias. Atualmente é o Presidente da ADERJ, além de ser responsável pelas questões tributárias da instituição.

Como precursor, Hélio Maciel lembra com facilidade dos primeiros momentos. “Nosso movimento começou com alguns poucos atacadistas distribuidores, que decidiram se organizar e tomar a frente de uma iniciativa que acabou resultando na fundação da ADERJ. Fiz parte desse grupo que iniciou o trabalho que vem prosseguindo há 25 anos, por todas as gestões”, confidencia com um brilho no olhar, típico de quem sente orgulho das suas ações.

Se no início nem tudo foram flores, ele – assim como alguns outros membros de diretorias passadas – , não deixou jamais de acreditar que a ADERJ atingiria o sucesso nas suas propostas. “Embora nos primeiros meses de Associação tenhamos alcançado a marca de mais de 300 associados, eles foram saindo pouco tempo depois. Nessa época, muitos ficaram em dúvida sobre a nossa sobrevivência. Os remanescentes enfrentaram todos os obstáculos e souberam perseverar, até que fossem conquistados vários objetivos”, garante, convicto. “Chegamos a fazer caravanas que iam visitar empresários em diversas localidades do Estado, para convencê-los a se associar”, completa, entusiasmado.

Ao mesmo tempo em que era desenvolvido um grande trabalho de convencimento entre os empresários do setor, fazia-se uma investida não menos grandiosa junto às autoridades, pela igualdade fiscal. “Este foi um movimento nosso, constante, que só começou a dar frutos em 2003, quando passaram a nos ver com outros olhos, que não os de descrédito, e foi aprovada a RioLog”, explica, para emendar em seguida: “Apesar de toda a felicidade e a facilidade que encontramos hoje, ... estamos apenas no início da nossa trajetória. Percebo a necessidade de consolidar, cada vez mais, a credibilidade da ADERJ junto ao setor, seja na área política, na indústria ou mesmo com os atacadistas distribuidores. Disto dependerá o nosso futuro.”

Hélio Castor Maciel sempre teve certeza do sucesso da ADERJ e da sua importância para todo o Estado

loading...